Wednesday, November 07, 2007

Esquizofrénico? Nós?!

Não é raro que me acusem de ser esquizofrénico ou bipolar. Trata-se de uma longa tradição. Eu próprio, desde pequeno, berrava com o meu outro eu, em frente ao espelho "seu maluquinho, xoné, tu tens dupla personalidade", ao que eu respondia "vou fazer queixas à minha mãe e à tua". Acabávamos frequentemente à porrada. Eu perdia sempre e a mãe dele castigava-me sempre só a mim. Os anos passaram e poucas coisas mudaram. A diferença é que, em vez de ser só eu contra mim, passei a ter em meu redor gente com caderninhos e seringas, nitidamente para tentar dar cabo de nós enlouquecendo-me, tudo numa teia conspirativa difícil de desmontar - ainda assim, tenha cá a minha teoria... Mais anos passaram e nunca mais passei pelos arredores do Miguel Bombarda. Há traumas difíceis de superar. Tirando isso, a vida corria-me bem e nunca mais ninguém nos chamou maluquinho. Isto, até deus se lembrar de fazer a Internet a partir de uma costela de uma figura mitológica qualquer chamada não sei quantos. Diz que, a dada altura, uma senhora muito mal intencionada pegou numa maçã, chamou-lhe MacIntosh e ofereceu-a ao comum dos mortais e aquilo tinha lá dentro pecados e outras cenas. A coisa não correu bem e apareceu a blogosfera e com ela os blogues de futebol e as tixas, chatas que não se pode, a vir comentar e a fazer textos sobre os benfiquistas como nós e a chamar-nos esquizofrénico e bipolar. Isto, o cosmos dá umas voltas esquisitas mas, no fundo, é tudo um movimento circular. Por mais caminhemos, vamos sempre dar ao mesmo sítio...

A questão, nos tempos que correm, é a seguinte: como é que querem que os benfiquistas não sejam atacados por oscilações drásticas de humor, alucinações ou ilusões de óptica? Dêem-me lítio!... Eu já nem falo do armário sul-americano que o Camacho arruma, cuidadosamente, na defesa adversária para que os centrais opositores possam jogar uma cartada enquanto vêem a bola. Diz que tem um pé muito bom. Pois sim, mas um armário com um único pé é coisa para não ter grande utilidade. Mas... o Bynia, por exemplo. Tem um grande pulmão, garra e joga simples. Isto, nos intervalos da ceifa, porque a sua actividade principal é arruinar carreiras aos adversários. Depois temos o Di Maria. Sim senhoras, um espanto de rapaz, elegante, bonito, sempre bem vestido. Que tem um pé esquerdo maravilho e que corre muito. Ora bem, isto a mim parece-me ideal para modelo da Nike. Não para extremo do Benfica. Pelo menos, enquanto não perceber que, ok, rematar a 30 metros da baliza pode ser uma coisa gira em situações muito específicas, mas não deve ser visto como uma estratégia para derrubar um adversário cujo guarda-redes ainda possui todos os membros em perfeitas condições de funcionamento. E o Camacho? Tão depressa é genial a mudar uma equipa que ficou reduzida a 10 elementos como a seguir é obtuso a correr atrás do prejuízo num jogo decisivo da Liga dos Campeões. Depois temos o Inominável... aquele ser que caminha lentamente pela lateral direita. Para que serve? Sabe deus. Mas acredito que Camacho um dia perceba o que realmente anda aquela pessoa a fazer ali, para um lado, para o outro, a olhar para as luzes, para as bandeirinhas, para os cachecóis... A Jodie Foster já interpretou uma personagem semelhante chamada Nell, que também não servia para nada. Depois temos o Quim, que salva o Benfica com golpes de rins em cima da linha e enterra o Benfica com saídas em falso. Temos o Benfica a ganhar e a perder e a ganhar e a perder e a ganhar e a perder... e o Rui Costa? O velho... ah, não, afinal o velho é o melhor do campeonato... err... ai, não... o Rui Costa afinal não tem pernas nem para meia-hora... e a Maria Amélia? É o melhor marcador do Benfica e do campeonato português ainda em actividade... pena que falhe sempre na cara do guarda-redes... mas depois salva-nos o pêlo em Leiria... e a seguir lesiona-se num aquecimento pela selecção... e o Luisão que varre tudo... e que falha na marcação e que corta de carrinho, in extremis, e que faz penalties estúpidos com os braços... e o Adu? O Adu, o novo Pelé... ah não, afinal não sabe jogar futebol europeu... ui, ah não, afinal o rapaz marca muitos golos e é o novo Mantorras... ah, não, não tem parafusos... ups, lítio lítio lítio, rápido, por favor...

7 Comments:

At 8:13 PM, Blogger Helena Henriques said...

:D
Agora estiveste bem, podias começar a trabalhar bem a teoria da conspiração à bipolar mesmo...
Mas Diego, não é tudo mau, eu não vi o jogo - estava no Dragom-he - mas fontes fidedignas afiançaram-me que foi dos melhores jogos do SLB esta época. Às vezes acontece, joga-se bem e perde-se...

 
At 10:56 AM, Blogger vinhas said...

Diego, amigo o que te posso dizer?
Queres trocar o Camacho pelo Jesualdo?

 
At 11:54 AM, Blogger Maria Papoila said...

Bipolar? Lítio? Não só para ti, Diego, para nós todos, os Benfiquistas tristes, tristes. Realmente o que interessa neste momento é que ser Benfiquista é um estado de alma. Por isso aguentamos tudo e ficamos à espera de melhores dias. Que hão-de vir, não é?

 
At 2:33 PM, Blogger Diego Armés said...

Nós aqui na minha cabeça estamos confiantes que sim. Que não, bolas, é preciso estar sempre a dizer? É não. Não liguem, não liguem, ele é maluquinho. É sim, claro que sim, vamos ser felizes e saudáveis um d... [kaput]

 
At 6:26 PM, Blogger Helena Henriques said...

Deixem lá, há vida para além da bola. A sério.

 
At 11:44 AM, Blogger Metralha said...

Tixas???

É feio, é de cobarde e sendo assim vai lá dizer ao teu amigo que não falo mais contigo!

 
At 2:30 PM, Blogger boloposte said...

Bom, é só para avisar que fico com o título do post para uma B-shirt, sem ter de compensar ninguém por isso. Fica por conta da liderança de Outubro, está bem? Ora ainda bem que estão os dois de acordo.

 

Post a Comment

<< Home